Projetos de Pesquisa

Apresentamos aqui um breve resumo dos projetos de pesquisa atualmente em desenvolvimento por pesquisadores do Ceres.

Estratificação da educação básica brasileira: uma abordagem multidimensional

Este projeto propõe o estudo da estratificação na educação básica brasileira, desvelando os fatores sociais associados à diferenciação do desempenho escolar no Brasil, em termos de proficiência e progressão, a partir de uma abordagem multidimensional. O intuito é destacar como processos simultâneos no nível da escola, da família, e das características pessoais (tanto as sociodemográficas quanto as de cunho sócio-psicológico) estão relacionadas a proficiência e à progressão dos alunos no sistema educacional. Pretende-se, por exemplo, identificar os fatores que concorrem para que estudantes em contextos socioeconômicos desfavoráveis alcancem resultados educacionais expressivos. Buscaremos aproveitar, ao longo do projeto, a contribuição de matrizes teóricas de diversas disciplinas, principalmente da sociologia da educação, da educação, da psicologia social e da estatística.

Para tal, nos valeremos tanto de dados de Censos Escolares e do Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB), coletados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), quanto de dados que serão coletados, em caráter longitudinal, em amostras aleatórias de escolas públicas e privadas na cidade de Juiz de Fora, em turmas de ensino fundamental e médio. Além disso, pretendemos usar diversas pesquisas coletadas pelo IBGE, como por exemplo: PNADs, Censos e POF. Dessa forma combinaremos fontes de dados em corte transversal já existentes a dados longitudinais que permitirão aprofundar a análise de relações causais entre diversas dimensões sociais – associadas à escola, à família e às características individuais dos próprios estudantes – e o desempenho dos estudantes ao longo do sistema educacional.

Este projeto se beneficiará da estrutura dos seguintes centros de pesquisa: (1) Centro para o Estudo da Riqueza e da Estratificação Social (CERES) do Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IESP-UERJ); (2) Núcleo de Pesquisas em Desigualdades Escolares (NUPEDE) da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais (FAE-UFMG), e (3) Laboratório de Pesquisa em Ensino Superior (LAPES) daa Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ[CA1] ).

Espera-se que esta pesquisa ajude a compreender os determinantes do sucesso educacional em caráter dinâmico, contribuindo tanto para instruir a formulação de novas políticas públicas voltadas para a melhoria do sistema educacional, buscando a equalização dos seus resultados, quanto para a compreensão, do ponto de vista acadêmico, das inter-relações entre diversas dimensões que influenciam os caminhos dos estudantes neste sistema.

Financiamento: CNPQ

Juventude e Mercado de Trabalho no Brasil: Um estudo Longitudinal

Neste projeto estudamos as trajetórias dos jovens no mercado de trabalho brasileiro na última década, levando em conta o efeito das crises econômicas recentes. A partir de dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua), da Pesquisa Mensal de Emprego (PME) e de uma série de outras fontes de informações, são analisadas informações sobre participação na força de trabalho, desemprego, subemprego e informalidade. Coordenador: Arnaldo Lôpo Mont’Alvão. Financiamento: Faperj

Agência, Estrutura, Desempenho Educacional e Mercado de Trabalho entre Jovens Brasileiros

Este projeto investiga como as dimensões da ação e estrutura se projetam sobre o desempenho de jovens no sistema educacional e no mercado de trabalho. Valendo-se de diversas fontes de dados (PNAD, PNAD Contínua, SAEB, Prova Brasil, etc.), investiga como desigualdades sociais se entrecruzam às orientações sócio-psicológicas dos jovens em suas trajetórias na escola e no mercado de trabalho. Coordenador: Arnaldo Lôpo Mont’Alvão Neto. Financiamento: CNPq.

Causas e Consequências das Desigualdades de Oportunidades e de Condições no Brasil

O projeto vem estudando os mecanismos de superação das desigualdades de condições e de oportunidades relacionados à escolaridade alcançada por indivíduos com origens em diferentes classes sociais, por um lado, e estudar diversas consequências das desigualdades, por outro lado. Coordenador: Carlos Antônio Costa Ribeiro. Financiamento: CNPq e FAPERJ.